segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Os 5 mandamentos da Alimentação!



Um destes dias, com o Francisco em casa (ainda a recuperar), estávamos os dois a fazer um zapping matinal quando, por acaso, passámos no canal Globo (posição 10 tvcabo) e nos deparámos com o programa "Socorro, o meu filho come mal!". Foi óptimo porque vi o meu filho mais velho escandalizado com certas situações, que nunca aconteceram cá em casa porque eu não dou espaço para tal.
O programa é um reality show em que pais, que não conseguem alimentar os filhos de maneira nenhuma, pedem ajuda a uma nutricionista (Gabriela Kapin). A realidade é que o problema é basicamente sempre o mesmo- Falta de regras. Regras como, sentar à mesa,  comer sem ver tv, não comer fora das refeições, ou seja, os miúdos fazem basicamente aquilo que querem. No episódio que vimos uma das crianças do condomínio tinha total acesso a um mini mercado com conta aberta (a criança em questão tinha 5 anos), ou seja, o miúdo comprava todo o tipo de doces e bolachinhas a toda a hora para si e seus amigos.
Fiquei chocada, mas na realidade, como educadora, já me deparei com inúmeras situações complicadas na hora das refeições. O mais engraçado é que as crianças acabam por comer melhor na escola com as educadoras e professoras do que em casa...
Esta nutricionista fala em 5 mandamentos na hora da refeição. Estou super de acordo com elas por isso partilho aqui com vocês (ver aqui).
5 Mandamentos da Alimentação:
1º- A criança precisa de comer sentada à mesa;
2º- Precisa de comer sozinha e mais tarde fazer o próprio prato;
3º- Tem de comer sem distração de aparelhos electrónicos;
4º- Obrigatório ter 5 cores no prato;
5º- Experimentar novos alimentos.



O único que não faço sempre é o 4 mandamento, as 5 cores só de vez em quando. Vou variando e os pratos são sempre coloridos, mas muitas vezes dou carne/peixe com vegetais e salada sem arroz e batata. Principalmente á noite dou refeições mais leves.
Como fazem em vossas casas?

<3 Mariana

SHARE:

Sem comentários

Enviar um comentário

© cinco para as duas. All rights reserved.